sexta-feira, 20 de junho de 2014

No domingo passado foi um dia bastante complicado a minha Princesa teve de ir ao hospital D.Estefania ter com a sua médica de gastro para ser vista derivado a zona do botão estar muito feia e com bastante carnes,como mostrei na minha última publicação. Com era de se esperar foi submetida a uma intervenção não muito agradável,foi queimada com nitrato de prata e isso da umas dores e ela foi bastante forte e portou-se á altura é mesmo uma guerreira e supera qualquer coisa só por o facto de saber que vai ficar boa.
Aquela zona estava bastante feia e então recomendaram ter que fazer a queimadura de dois em dois dias mas,como eu não tenho posses de ir para Lisboa tantas vezes concordou-se em ser eu fazer e meu Deus fiquei com os nervos a flôr da pele só que claro o que se não se faz por uma filha(o) quando o amor é grande.
Veio muito queixosa e para ajudar mais uma vez cheia de expetoração e tosse o que também não ajuda nada a zona do botão porque quanto mais ela tossir pior porque faz pressão e vai libertando liquido gástrico e as carnes vão saindo mas,ficou tranquila a noite toda com um ben-u-run.
Na quarta feira fomos para a consulta de genética e esteve com a tosse mas,bem e a hora de fazer a tal "maldade" estava aproximar-se e eu a ficar cada vez mais nervosa e ansiosa porque era a primeira vez que ia fazer tal processo e como estava a custar-me e a tal mistura de sentimentos voltou com toda a força.
Meia hora antes e como recomendado dei um ben-u-run á Princesa e pedi ajuda a uma vizinha para poder agarrar nos bracitos dela e porque não convém queimar pele boa e sozinha é muito complicado o fazer.
Estive a prepar a Princesa e explicar o que ia fazer e o porquê de ter que ser eu e a sua resposta mais uma vez pôs-me sem chão e na altura não o fiz mas,quando ela adormeceu chorei porque uma criança com quatro anos dizer isto á sua mãe eu penso que não é qualquer uma. A resposta da minha menina foi (mãe eu confio em ti) e esta frase esta presente na minha cabeça não estava á espera e como foi bom ouvir.
Na altura de fazer a "maldade" a pipoca se portou como uma guerreira e muito melhor que no domingo,esteve super calma mas,claro chorava e em certas alturas quando tocava ns carnes mais vivas aí ela e com toda a razão gritava mas,sempre com a sua força e coragem!!
A minha vida é um turbilhão onde cada dia é passado a superar etapas e mais etapas mas,como tudo tem de ser feito e ainda para mais tratando-se da vida da minha Princesa e temos o dom de nunca perder o sorriso,porque é isso que nos faz ter a força que tanto precisamos as duas.


A vida é uma batalha constante para muitos de nós mas,quando temos uma alma e coração cheio de amor,paz e alegria no meio de tanta dor,tudo se torna mais fácil de ser levado!!



Princesa Encantada!!