terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Por vezes pensamos o porquê das coisas e por que será e no final nos damos conta que nada é por acaso e que por esse motivo mesmo que seja com dor a nossa felicidade bate à porta e eis que se abre um novo caminho,uma vida nova.

Tem sido um longo caminho que infelizmente não foi sempre feliz e que também nunca o fizeram para tal mesmo vivendo o problema de perto e fazendo as coisas só para que alguém veja e diga ( olha fez ),mas eu como mãe nem se questiona o amor e dedicação dentro de quatro paredes e por vezes fora claro pois vou a consultas e passeio também mas,quando se ama ou se quer fazer bem não se olha a quem e nem se faz para se mostrar.
Tenho referido muitas vezes a minha mistura de sentimentos e por vezes a raiva se apodera de mim,pois não é justo pedir direitos onde não se quer ter a mínima responsabilidade e ainda conseguem surpreender com respostas mas,cada um é como cada é e se alguém tem de ser castigado fui eu pois foi uma escolha minha um erro meu. Tenho que aprender a lidar com as situações e saber gerir as coisas da melhor forma e poder fazer com que a minha Princesa siga sempre o melhor caminho e da melhor forma e ter sempre boas condutas e exemplos.
A minha vida só tem sido cuidar da dela e em função dela claro que é um pouco desgastante e por vezes dou-me a pensar se será justo ou não eu poder senti-me cansada e farta ou até mesmo se estou a ser uma boa mãe ao pensar desta forma,tem dias que me apetece virar costas largar tudo e ir em busca de algo que me preencha mas,sei que é errado o certo é estar ao pé dela cuidar,amar e proteger pois ela precisa da mãe.
Em meu coração mora Deus e o amor que tenho por ele é tão grande que,ele me dá suas bênçãos e tornou-nos muito mais felizes e com mais esperança e força e com ele sei que vamos conseguir,pois fomos abençoadas com anjos,sim porque os anjos andam também na terra em forma de pessoas e com eles vamos conseguir que a Princesa fique bem melhor.

O passado não interessa mais o presente é que conta e isso é começar a lutar para que ela venha a ter uma boa condição de vida e seja mais feliz ainda!
O que conta é fazer com que ela se sinta bem e com vontade de estar a brincar normalmente com os seus amigos(as) e sem pensar que não pode!
O que conta é que ela venha um dia a dizer fui e sou feliz!



Princesa Encantada!!